O que o próprio Jesus ensina sobre a salvação

Usando apenas citações de Jesus, esta lição descreve o que o próprio Senhor ensinou sobre a salvação.

Quem vai longe demais e não permanece no ensino de Cristo, não tem Deus; aquele que permanece no ensino, ele tem o Pai e o Filho.

– II João 1: 9

A discussão mais importante que podemos ter com alguém é aquela que trata da questão da salvação – Como alguém é salvo? 

Em nossa sociedade, existem muitos grupos religiosos diferentes que estão promovendo suas várias crenças e mesmo dentro do Cristianismo nem todos dizem a mesma coisa com relação à salvação. 

Não podemos falar por outras religiões, mas no que diz respeito ao Cristianismo, temos um guia claro e seguro em nossa compreensão deste assunto – o próprio Jesus!

Infelizmente, nem todos dizem a mesma coisa sobre a salvação, então, a fim de esclarecer esse assunto em nossas próprias mentes, para que possamos falar com uma só voz e um ensino, consideremos o que o próprio Jesus ensina sobre a salvação usando apenas Suas palavras faladas sobre o assunto. 

Acredito que assim podemos deixar de lado o que é tradicional, o que é popular ou o que é desagradável e nos concentrar apenas no que Jesus realmente disse sobre como alguém é salvo.

Jesus disse que…

Deve-se vir a Ele para a salvação

A primeira coisa que se deve fazer é vir a Cristo para sua salvação, nenhuma outra pessoa ou coisa pode realizá-lo.

Em Atos 4:12 – Pedro proclama a exclusividade da Religião Cristã, não há lugar para ninguém além de Jesus.

E não há salvação em ninguém mais; pois não há nenhum outro nome debaixo do céu, dado aos homens, pelo qual devamos ser salvos.

Isso porque ninguém mais na história fez pelo homem em relação à salvação o que Cristo fez. 

Muitos viveram boas vidas, mudaram nações, iniciaram religiões, escreveram palavras sábias, mas ninguém lidou com o pecado do mundo por meio de uma morte expiatória e purificadora, e ninguém jamais foi ressuscitado dos mortos como prova de que o que ele ensinou, fez, e prometido era válido. 

Ninguém mais prometeu a seus seguidores uma vida eterna consciente, alegre, certa e realizou milagres para confirmar as promessas.

Em Mateus 10:32, Jesus disse que devemos confessar Seu nome e o que Ele está dizendo é que, para sermos salvos, devemos reconhecer que somente Ele pode nos salvar.

…Jesus disse que…

A fé é necessária para a salvação

9 Seus discípulos começaram a questioná-Lo sobre o significado dessa parábola. 10 E Ele disse: “A vós foi dado conhecer os mistérios do reino de Deus, mas para o resto está em parábolas, para que vendo, não vejam e, ouvindo, não entendam.

11 ” Agora, a parábola é esta: a semente é a palavra de Deus. 12 Aqueles à beira da estrada são aqueles que ouviram; então o diabo vem e tira a palavra de seus corações, para que eles não creiam e sejam salvos.

– Lucas 8: 9-12

Uma vez que reconhecemos que a salvação está em Cristo, ela é encontrada somente Nele, precisamos crer que o que Ele diz é verdade. 

Não apenas o consentimento intelectual de que Suas palavras, promessas e obras são válidas e verdadeiras, mas uma fé que usa Sua palavra como base para a conduta de alguém e garantia de salvação pessoal da morte e condenação.

Jesus nos dá o maior respeito como seres humanos, permitindo-nos expressar nosso livre arbítrio em relação à salvação, tornando a fé uma das condições (você precisa de livre arbítrio para acreditar). 

Deus Pai planejou nossa salvação, Deus O Espírito Santo preparou o caminho para nossa salvação. Deus, o Filho, o cumpriu na cruz, mas a Divindade deixa espaço para a nossa fé a fim de completá-lo. 

Não é muito dizer “sim” ao Deus Eterno, mas sem esse “sim” o plano, a preparação e a obra redentora de Cristo são em vão – Para ser salvo, Jesus diz que primeiro deve acreditar!

…Jesus disse que…

O arrependimento é necessário para a salvação

5 Quando Jesus chegou àquele lugar, olhou para cima e disse-lhe: “Zaqueu, desce depressa, porque hoje devo ficar em tua casa”. 6 E ele se apressou e desceu e o recebeu com alegria. 7 Ao verem isso, todos começaram a resmungar, dizendo: “Ele foi hospedar-se como homem pecador”. 8 Zaqueu parou e disse ao Senhor: “Eis, Senhor, metade dos meus bens darei aos pobres, e se eu tiver defraudado alguém em alguma coisa, devolverei quatro vezes mais.” 9 E Jesus disse-lhe: «Hoje a salvação veio a esta casa, porque também ele é filho de Abraão. 10 Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido».

– Lucas 19:

A história não menciona a palavra arrependimento, mas descreve a atitude de arrependimento sincero. 

O arrependimento não é apenas tristeza pelos pecados passados, mas uma mudança de atitude em relação ao pecado em geral. 

No arrependimento, passamos de amantes do eu, do pecado e das coisas do mundo para amantes de Deus, da justiça e dos perdidos no mundo. Jesus resume a atitude em Marcos 8: 34-35.

Arrependimento não é negociar ou barganhar com Deus sobre quanto pecado você pode manter em sua vida e ainda ser salvo – é uma transformação total da direção, atitude e função de nossas vontades. 

Embora doloroso, o arrependimento é a experiência alegre de ver nossa velha vida ir embora à medida que desejamos mais e mais saber e fazer e ser apenas o que Cristo deseja que saibamos, façamos e nos tornemos. 

Uma pessoa pode falar sobre Jesus e sua fé, mas a menos que sua ação em pequenas coisas demonstre uma mudança real, o que é reivindicado como fé nada mais é do que falsa piedade. 

Em Lucas 13: 3, Jesus disse: “… a menos que se arrependam, todos vocês também morrerão.”

…Jesus disse que…

Você deve ser batizado para a salvação

Aquele que acreditou e foi batizado será salvo; mas aquele que descrer será condenado.

– Marcos 16:16

O primeiro passo para negar a si mesmo é enterrar-se nas águas do batismo. 

O batismo é necessário para ser salvo por muitas razões:

  • No batismo, nossos pecados são perdoados. – Atos 2:38
  • No batismo, recebemos o Espírito Santo. – Atos 2:38
  • No batismo, somos adicionados à igreja. – Atos 2:47
  • No batismo, vestimos Cristo. – Gálatas 3:26
  • No batismo, somos salvos. – I Pedro 3:21

A lógica simples dita que, para ser salvo, é preciso ser perdoado, ter o Espírito Santo, ser membro da igreja, estar em Cristo – isso é o que significa ser salvo; e se essas coisas ocorrem no batismo, então o batismo é necessário para a salvação porque sem o batismo essas coisas não acontecem e sem elas não podemos ser salvos. 

Mas a principal razão pela qual o batismo é necessário para a salvação é porque Jesus o ordena e Ele o ordena em conexão com a salvação pessoal. 

Ele não diz que é um sinal externo, apenas uma cerimônia ou um ritual simples sem importância – Ele diz que é para a salvação. 

Sim, somos salvos pela fé, mas essa fé deve ser expressa pela nossa vontade e Jesus diz que esta expressão da nossa vontade / fé se realiza pelo baptismo. Jesus é quem traça essa linha, não a igreja ou os teólogos.

…Jesus disse isso para ser salvo…

Você deve perseverar até o fim

Você será odiado por todos por causa do Meu nome, mas é aquele que perseverou até o fim que será salvo.

– Mateus 10:22

Nesta passagem (e Mateus 24:33 ; Marcos 13: 3-23 ), Jesus está ensinando Seus discípulos sobre dois eventos cataclísmicos:

  • A destruição de Jerusalém, que aconteceria durante a vida deles.
  • Sua segunda vinda, que pode acontecer a qualquer momento.

A mensagem para os dois eventos foi semelhante, porém, apenas aqueles que foram fiéis até o fim seriam salvos. 

Nessas passagens, ele tentou prepará-los, dizendo-lhes algumas das coisas que teriam de suportar. 

Seus discípulos sofreriam:

  • Divisão familiar
  • Perseguição, violência, sofrimento
  • Falsos professores, hipócritas
  • Agitações sociais e ambientais
  • Infidelidade e falta de amor de muitos na igreja.

Mas seu ponto para eles e para nós é que essas coisas não devem ser usadas como desculpas válidas para cair (como muitos fazem, pensando que Deus vai ignorar sua infidelidade porque eles têm uma boa desculpa 

– Não, essas coisas foram e sempre serão, existem obstáculos que temos que superar para chegar ao fim. Na corrida cristã, apenas aqueles que terminam são salvos.

Por que esse sermão?

Acredito que a maioria de nós já ouviu o que eu disse aqui hoje, mas queria ter certeza de três coisas:

  1. Que todos estão absolutamente convencidos do que o próprio Jesus diz a respeito da salvação – para suas próprias almas e para as almas dos outros com quem falarão.
  2. Para ter certeza de que esta congregação e todos os outros que nos visitam saibam qual é o nosso ensino básico sobre esta questão básica, para que não haja mal-entendidos sobre a nossa doutrina.
  3. Como uma forma de desafiar os que estão aqui hoje a se examinarem e ver se foram salvos e se não, fazer algo a respeito.

Acredite em Cristo e confesse Seu nome se ainda não o fez. Arrependa-se de seus pecados, se ainda não o fez. Seja batizado (imerso em água), se ainda não o fez. Seja fiel ou volte a ser fiel se ainda não o fez.

Título original What Jesus Himself Teaches About Salvation por Mike Mazzalongo é licenciado sob CC BY-NC-SA 3.0

Deus abençoe você.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.

en_US